18 julho 2006

O título...

memórias de uma queixa, para os mais aluados que não tenham percebido a alegoria, está relacionado com o famoso livro "memórias de uma gueixa", de Arthur Golden.
A ideia de escrever um blogg tem vindo a ganhar forma na minha cabeça à já algum tempo, e este título surgiu talvez por estar a ler o livro neste momento, e porque afinal de contas a minha principal actividade neste blogg vai ser queixar-me! O meu ponto de vista do mundo é sempre de um cor-de-rosa a tender para cinzento com tons quiçá de um escuro aromatizado de preto..., bom, já perceberam a ideia, e a ironia é a tendência da época. os pensamentos queixais sobre os mais diversos assuntos, desde o café mal tirado, à má qualidade televisiva vão ser constantes, por tal considero o título muito propositado e correctissímo. Acompanhem-me então nos desabafos queixis, e digam aquilo que vos vai na alma, as queixas do dia a dia... ajuntem-se queixas de todo o mundo, e refilem...

1 comentário:

  1. Acho muito bem teres-te rendido aos blogs!!Bem e o título não podia estar mais de acordo contigo!Frases como "mas, mas conheceram-se á dois dias e ja tão apaixonados e vão viver felizes para sempre...pufff!" e outras como "és a minha miuda!" ou mesmo "telefono ao rui ou espero k ele me ligue??" que dão vontade de cortar os pulsos e de nos ligarmos ás maquinas! E acho bem porque através das nossas queixas pode ser que as situaçoes mudem ou não....!por exemplo os cafes!!porque é que as pessoas que tiram cafés quando chega a parte da espuma tiram o café debaixo da máquina???eu gosto do café é assim!e quando explico isto as senhoras que me tiram o café elas ignoram-me e olham para mim e pensam comixosa!!lol. adoro te muito e gostei imenso de morar ctg!**bjokas da afilhada**

    ResponderEliminar